Apuração de horas extras – parte 4 – horas noturnas

Como calcular horas noturnas

Este é o quarto tutorial sobre elaboração de uma planilha para cálculo de horas extras.

Nos dois primeiros tutoriais, as planilhas apresentadas – controle de ponto V.1 e controle de ponto V.2, apuravam horas trabalhadas exclusivamente no período diurno.

No terceiro tutorial, modificamos algumas fórmulas de modo a tornar possível o cálculo de horas trabalhadas em dias diferentes, ou seja, quando a jornada começa, por exemplo, às 20 horas de um dia e termina às 03:00 do dia seguinte – controle de ponto V.3 e controle de ponto V.3.1

Neste tutorial, vamos apresentar uma planilha para cálculo das horas trabalhadas no período noturno, considerando a redução da hora noturna.

Para saber mais sobre horas noturnas e sobre a hora ficta noturna leia os seguintes artigos:

  • Cálculo do Adicional Noturno e das Horas Extras Noturnas – clique aqui
  • Hora Noturna Reduzida – clique aqui
  • Fator de Redução da Hora Noturna – clique aqui

Os modelos das planilhas estão disponíveis para download, bastando apenas se cadastrar no blog. Você pode baixar e utilizar. Qualquer dúvida ou dificuldade em trabalhar com a planilha, entre em contato.

Legislação:

De acordo com o art. 73 da CLT, considera-se noturno o trabalho executado no intervalo das 22 horas às 05 horas, sendo que a hora noturna é de 52:30 (cinquenta e dois minutos e trinta segundos).

hora-reduzida

Assim, se o empregado labora das 22h00 às 05h00, ele trabalha efetivamente 7 (sete) horas, mas recebe 8 (oito) horas de adicional noturno, ou seja ganha mais uma hora.

Essa hora de redução da hora noturna é obtida pelo ganho de 7,5 minutos por hora, pelas 8 horas de trabalho diário, obtendo-se dessa forma os 60 minutos de redução.

7,5 min (60 min – 52,5 min) x 8 h (jornada normal) = 60 min = 1 hora

Jornadas Mistas:

No dia a dia das empresas, podemos encontrar diversos tipos de jornadas mistas, como, por exemplo:

• 18h às 21h / 22h às 03h – início no horário diurno e término no noturno;
• 22h às 05h – labor inteiramente noturno;
• 23h às 06h – início no horário noturno antes da meia-noite e término no horário diurno;
• 04h às 13h – início no horário noturno depois da meia-noite e término no horário diurno;
• 19h às 07 horas – jornada 12×36 – início no horário diurno, atravessa todo o labor noturno e termina no horário diurno do dia seguinte.

A planilha que estamos disponibilizando permite apurar a quantidade de horas noturnas em qualquer tipo de jornada mista, colocando, em colunas distintas, a quantidade de horas laboradas nos turnos diurno e noturno, de modo a permitir o cálculo do adicional noturno.

tabela-3

Na imagem acima, no dia 01/09, o empregado laborou das 21:00 às 01:00 e das 01:30 às 06:00.

Na coluna I, temos a quantidade de horas laboradas no intervalo das 22 às 05 horas:

  • 1º turno de trabalho – 21h às 01h – neste turno, temos 3 horas noturnas;
  • 2º turno de trabalho – 01h30 às 06h – neste turno, temos 3:30 horas noturnas.
  • Total de horas noturnas trabalhadas – 6:30 horas – coluna I.

Considerando que o trabalho é urbano, temos que acrescentar a redução da hora noturna:

Para determinação da redução da hora noturna, temos que multiplicar o total de horas noturnas trabalhadas por 60 e dividir o resultado por 52,5. Ou, então, multiplicar por 8 e dividir por 7.

No nosso exemplo, o empregado laborou 6:30 horas dentro do intervalo das 22 às 05 horas.

(6,5 x 8)/7 = 7,43

Convertendo 7,43 em horas relógio, o resultado é 7:25 (total de horas trabalhadas, acrescido da redução da hora noturna) – conforme coluna K.

Assim, para uma quantidade de 6:30 horas laboradas no período noturno, devemos acrescentar 00:55 minutos a título de redução da hora noturna – coluna J.

Fator de Redução da Hora Noturna:

Considerando que:

fator-redução-hora-noturna

O fator de redução da hora noturna é 1,1429.

Sendo assim, para calcularmos o acréscimo sobre a hora noturna, temos que multiplicar a quantidade de horas noturnas trabalhadas por 1,1429.

Horas Noturnas c/ Redução da Hora Noturna = Quant. de horas noturnas trabalhadas x fator de redução da hora noturna (1,1429)

6,5 x 1,1429 = 7,43 = 7:25 (coluna k)

E, para calcular a redução (coluna J):

Redução da hora noturna = Quantidade de horas noturnas x 0,1429

6,5 x 0,1429 = 0,93 = 00:55 (cinquenta e cinco minutos)

info Para melhor acompanhar os cálculos acima, é interessante que o visitante do blog baixe a planilha modelo.

Conforme a imagem acima, nesta versão Controle de ponto V.4.1, temos:

  •  coluna H – quantidade de horas diurnas trabalhadas;
  • coluna I   – quantidade de horas noturnas trabalhadas sem a redução da hora noturna;
  • coluna J  – redução da hora noturna;
  • coluna K – quantidade de horas noturnas trabalhadas com o acréscimo da redução da hora noturna.

Para calcular a quantidade de horas noturnas trabalhadas (coluna I) vamos usar uma fórmula baseada nas funções MÁXIMO e MÍNIMO:

=SE(B8=””;””;MÁXIMO(ININOT;MÍNIMO(FIMNOT+1;E8+(D8>E8)))-MÁXIMO(ININOT;D8)+(MÍNIMO(FIMNOT;E8+(D8>E8))-MÍNIMO(FIMNOT;D8))+MÁXIMO(ININOT;MÍNIMO(FIMNOT+1;G8+(F8>G8)))-MÁXIMO(ININOT;F8)+(MÍNIMO(FIMNOT;G8+(F8>G8))-MÍNIMO(FIMNOT;F8)))

Na fórmula acima, aparecem dois nomes: ININOT e FIMNOT

ININOT corresponde ao início do labor noturno – 22 horas – célula nomeada E2 da aba Feriados.

FIMNOT corresponde ao término do labor noturno – 05 horas – célula nomeada E3 da aba Feriados.

info Se o usuário desejar alterar os parâmetros acima, a modificação deverá ser feita apenas na aba Feriados. Por exemplo: se o labor é rural e o usuário deseja alterar o início do período noturno para 21 horas, deverá ir na célula E2 da aba Feriados, deletar 22:00 e digitar 21:00.

Para calcularmos a redução da hora noturna (coluna J), a fórmula é:

=SE(B8=””;””;(I8/7*8)-I8)

Para calcularmos o total de horas trabalhadas no período noturno (coluna K), considerando a redução da hora noturna, temos que somar os resultados das colunas I e J:

=SE(B8=””;””;I8+J8)

A fórmula que permite calcular o total de horas trabalhadas é:

=SE(B8=””;””;MOD((E8-D8)+(G8-F8);1))

Como na planilha em questão, estamos trabalhando com redução da hora noturna, faz-se necessário acrescentar a referida redução ao total de horas trabalhadas.

Sendo assim, a fórmula da coluna L – horas trabalhadas, será:

=SE(B8=””;””;MOD((E8-D8)+(G8-F8);1)+J8)

Considerando que já apuramos o total de horas trabalhadas (coluna L) e o total de horas noturnas com o acréscimo da redução da hora noturna (coluna K), a fórmula para apurar o total de horas trabalhadas no turno diurno é tão somente a diferença entre os valores das colunas L e K:

‘=SE(B8=””;””;L8-K8)

As fórmulas para cálculo das horas extras (colunas N e O) são as mesmas das planilhas anteriores.

Totalização das horas noturnas e das horas extras:

totalização

Na linha 39, temos a totalização das horas trabalhadas no mês.

Na linha 40, é feita a conversão dos totais apurados para horas centesimais.

Na linha 41, temos o cálculo dos reflexos das horas extras e do adicional noturno no descanso semanal remunerado.

Outras informações:

Os horários praticados, dia a dia, pelo trabalhador devem ser lançados nas colunas D, E, F e G. Sempre digitar as horas com dois pontos.

Para mudar o ano, digite o novo ano na célula C2, não esquecendo de também alterar o ano na célula B2 da aba Feriados.

Para mudar o mês, digite o novo mês na célula C3.

Qualquer dúvida ou dificuldade em usar a planilha, por favor, deixe seu comentário, que entrarei em contato.

Para fazer download deste modelo, use o ícone abaixo:

boneco atenção 1ATENÇÃO: um leitor me alertou para o fato de a planilha sugerida neste post apresentar “erro” quando alguns pares de células não são preenchidos em razão de o empregado não ter trabalhado em um turno ou nos dois turnos de trabalho. Assim, estas células vazias produzem um valor negativo no cálculo das horas noturnas e o resultado é exibido na célula como “#####”.  Para corrigir este erro, o usuário deverá digitar 00:00 em todas as células vazias (em branco) do intervalo D:G (intervalo onde são inseridos os horários de entrada, saída e intervalo). Outra opção é utilizar a planilha V4.2 (clique no link), que já está com este problema corrigido por meio de alteração na fórmula que calcula a quantidade de horas laboradas no período noturno.

  • AndreiaL

    Olá! Muito útil a planilha, obrigada. Somente encontrei um problema: quando deleto os horários nos domingos (que não são trabalhados), dá erro na fórmula. Como posso fazer para zerar a fórmula quando não há horário trabalhado?

  • Kiki Correa

    QUAL A SENHA PARA DESPROTEGER ESTA PLANILHA::

  • Inacio Francisco Filho Chaves

    Boa Tarde Gilmar, gostei muito do seus tutoriais, só uma dúvida, estava usando suas dicas para incrementar uma que uso para calcular meus dias trabalhados já que na empresa que trabalho o nossos horários muda muito, agente trabalha durante o dia em uma escala já outra durante a noite, sendo assim fui usar sua escala só que em qualquer horário que se coloca ela sempre mostra as horas noturnas mesmo sendo os horários diurno. como fazer pra resolver isso?
    Inacio.
    inaciopeteca@hotmail.com

  • Elias Costa Oliveira

    Bom dia!
    Gilberto queria utilizar sua planilha aqui no fechamento de ponto da minha empresa.
    Mais o nosso ponto abre no dia 16 de cada e fecha do dia 15 do mês posterior.
    Pode me ajudar?

    • Oi Elias, muito em breve disponibilizarei uma planilha em que o usuário poderá escolher o dia de fechamento do ponto, seja o dia 15 ou outro dia qualquer.

  • Valmir Lima

    Prezado Gilberto!
    Parabenizo pela sua iniciativa em dividir seus conhecimentos com todos nós, ficamos todos muito gratos.

    Gostaria aqui de tirar algumas dúvidas:

    Trabalho entre 21hs às 06hs, de segunda a sexta e sendo assim gostaria de saber como esta planilha trabalha quanto aos sábados, uma vez que entro na sexta e saio sábado.

    Como configurar o periodo trabalhado pois o meu registro do ponto compreende-se do dia 16 do mês vigente ao dia 15 do mês seguinte.

    Ao preencher a planilha estou tendo erro na coluna H (horas diurnas), estou colocando os horário laborados que é 21:12hs às 01hs e de 02hs às 06hs….estar correto?

    Certo do breve retorno. agradecido.

    Valmir Lima

    • Olá Valmir. Se vc entra às 21h00 de sexta-feira e encerra a jornada às 06h00 do sábado, esta jornada é considerada como sendo a jornada da sexta-feira. A jornada de sábado é a que inicia às 21h00 do sábado e termina às 06h00 do domingo.
      Com relação ao ponto do dia 16 de um mês ao dia 15 do mês seguinte, em breve disponibilizarei uma planilha que contempla esse fechamento do ponto. Quanto ao erro na coluna H, não entendi de que erro se trata. Me manda por email a planilha com os teus horários para eu entender melhor o teu problema. Email: gilberto.braga2000@gmail.com

  • Fernando Gally Calabrez

    boa tarde,
    gilberto,
    trabalho de seg. a sab. das 21:00 as 06:00 sem intervalo, recebo 2 horas extras do intervalo, mas a empresa enciste em dizer que nao tenho direito a hora reduzida.
    gostaria de saber se esta correto a informação da empresa.

    • Boa noite Fernando, só não tem direito a hora reduzida os empregados rurais. Quanto aos urbanos, só se a empresa tem convenção coletiva retirando a hora reduzida em troca de outro benefício para o trabalhador, como, por exemplo, o adicional noturno pela CLT é de 20% e a convenção manda pagar 30%. Ainda assim, essa cláusula pode ser discutida na Justiça.

    • Fernando, somente trabalhadores rurais não têm direito a hora reduzida. Se você trabalha no horário das 21:00 às 06:00, e é trabalhador urbano, então tem direito a hora reduzida a partir das 22:00 até as 06:00, descontando as horas de intervalo.

  • Laise

    Bom dia Gilberto, trabalho com escala 2×2, com o seguinte horário: 18:00 as 23:30 e das 00:30 as 06:00, pagamos o ad.noturno até o fim da jornada conf.CCT. Sendo assim pago 8h de ad.noturno normal e 1 hora de hora extra noturna. Esta correto? Posso utilizar a planilha de ponto V.4.1, para conferencia dos meus cálculos? Obrigada!

    • Bom dia Laise. Sim, você pode usar a planilha de ponto V.4.1 para conferir os teus cálculos. Vc tem que alterar a jornada normal de 8:00 para 12:00 horas (células H2 e H3). Na aba feriados, na célula E3, altere também o horário do término do período noturno de 05:00 para 06:00. Com estas alterações, a planilha irá apurar 04 horas diurnas das 18h às 22h, e, das 22h às 06h, com intervalo das 23:30 às 00:30, 7 horas noturnas + 1 hora ficta noturna, totalizando 8 horas noturnas. O adicional noturno será de 8 horas. Se é exatamente este o horário praticado pelos empregados, e se a jornada está autorizada por convenção coletiva, entendo que não há hora extra noturna a ser paga. Só terá hora extra noturna se o empregado entrar às 18:00 horas e sair depois das 6:00 do dia seguinte. Neste caso, ele terá trabalhado mais de 12 horas diárias e o excedente será considerado hora extra noturna (e não diurna) em face do § 5º do art. 73 da CLT.